Rita Pereira relembra início da carreira na televisão: "Eu era figurante…"

((__lxGc__=window.__lxGc__||{‘s’:{},’b’:0})[‘s’][‘_216764’]=__lxGc__[‘s’][‘_216764’]||{‘b’:{}})[‘b’][‘_639647’]={‘i’:__lxGc__.b++}; ((__lxGc__=window.__lxGc__||{‘s’:{},’b’:0})[‘s’][‘_216764’]=__lxGc__[‘s’][‘_216764’]||{‘b’:{}})[‘b’][‘_639641’]={‘i’:__lxGc__.b++};

Rita Pereira marcou presença no programa ‘Em Família’, este sábado, dia 12 de fevereiro.

Este sábado, dia 12 de fevereiro, Rita Pereira foi uma das convidadas do programa ‘Em Família’, da TVI, onde esteve à conversa com Maria Cerqueira Gomes e Ruben Rua sobre o início da sua carreira.

“Eu era figurante. Decidi ir ganhar dinheiro para pagar a faculdade e não sei quê, então fui fazer figuração para o Algarve, para a novela Saber Amar. Naquele dia, estava eu deitadinha na toalha a fazer figuração e vem um rapaz da produção e disse: ‘Faltou aqui uma rapariga, preciso de alguém que diga falas. Rápido. Alguém sabe?’. E eu disse: ‘Eu sei, eu safo-me'”, começou por recordar.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A atriz contou que era uma cena com Ricardo Pereira em que tinha que “lhe apalpar o rabo”, a produção gostou e acabou por ficar no elenco adicional durante três meses. “Depois a mesma produção foi fazer as Queridas Feras e chamou-me também como elenco adicional mais uns seis meses. E a partir daí, chamaram-me depois para o casting dos Morangos. Esta foi a base”, explicou.

A figura pública foi uma das protagonistas da série ‘Morangos com Açúcar’, em 2004.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});