Sara Pinto perdeu-se na TVI e teve de telefonar aos colegas

((__lxGc__=window.__lxGc__||{‘s’:{},’b’:0})[‘s’][‘_216764’]=__lxGc__[‘s’][‘_216764’]||{‘b’:{}})[‘b’][‘_639647’]={‘i’:__lxGc__.b++}; ((__lxGc__=window.__lxGc__||{‘s’:{},’b’:0})[‘s’][‘_216764’]=__lxGc__[‘s’][‘_216764’]||{‘b’:{}})[‘b’][‘_639641’]={‘i’:__lxGc__.b++};

Sara Pinto viveu um momento caricato nos corredores da estação de Queluz de Baixo.

Foi há pouco mais de um ano que Sara Pinto saiu da SIC e assumiu um novo desafio profissional na TVI. Recorda-se de “ter sido recebida calorosamente por todos“, mas os primeiros tempos ficaram marcados também por uma outra situação.

Lembro-me de me perder nos corredores durante os primeiros dias. Cheguei a ter de telefonar aos colegas, porque andava perdida no edifício sem encontrar a sala de reuniões“, confessou a jornalista numa entrevista recente que deu à Selfie.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A poucos dias da gala do 29.º aniversário da TVI, Sara Pinto foi questionada também sobre quais é que foram as pessoas mais extraordinárias com as quais já se cruzou no canal da Media Capital. Cuidadosa, não apontou qualquer nome.

Há várias pessoas especiais com quem tenho trabalhado neste último ano, sejam da redação, da produção, das equipas de caracterização, da parte técnica…“, respondeu.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});